Joseph Anthony Lopes Evangelista

Joseph Anthony Lopes Evangelista

Advogado

Minas Novas, MG

Possui graduação em Direito pela Faculdade Novos Horizontes(2015) e ensino-medio-segundo-grau pela Escola Estadual Dr. Agostinho da Silva Silveira (1999). Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito Privado.

Continuar lendo

Acadêmico

Formação acadêmica

Especialização em Direito de Família e das Sucessões

2016 - 2017

LFG - Anhanguera/UNIDERP

Graduação em Direito

2011 - 2015

Faculdade Novos Horizontes
Título: O Princípio Constitucional da Função Social da propriedade, do direito à moradia e a incidência do instituto do Usucapião sobre os Bens Públicos
Orientador: Bruna Pereira Rosa
Bolsista do(a): Programa Universidade para Todos, PROUNI, Brasil.

Ensino Médio (2º grau)

1997 - 1999

Escola Estadual Dr. Agostinho da Silva Silveira

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Privado/Especialidade: Direito Civil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

FELIPE LOBATO CARVALHO MITRE

MITRE, F. L. C.. O Princípio Constitucional da função social da propriedade do direito à moradia e a incidência do instituto do usucapião sobre bens públicos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário Unihorizontes.

Histórico profissional

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Endereço profissional

  • Ministério Público do Estado de Minas Gerais - Comarca de Minas Novas. , Av. Waldemar César Santos, 172, Centro, 39650000 - Minas Novas, MG - Brasil, Telefone: (33) 37641208

Experiência profissional

Estagiário de Pós Graduação

2017 - Atual

MPMG

A atribuição do estagiário do Ministério Público consiste em auxiliar a Promotora de Justiça nas atividades ministeriais, com o consequente aprimoramento da prática forense e aprendizado dos procedimentos inerentes às atividades específicas do representante do Ministério Público, notadamente, nos termos da Resolução PGJ nº 42/2015: I - pesquisar conteúdo doutrinário ou jurisprudencial e estatísticas, necessários ou convenientes ao correspondente exercício funcional; II - acompanhar diligências de investigação quando solicitado, exceto as de polícia judiciária e aquelas para apuração de infrações penais; III - controlar a movimentação dos processos judiciais, acompanhando a realização dos correspondentes atos e termos; IV - prestar atendimento ao público, nos limites da orientação que venha a receber; V - desempenhar outras atividades que lhe forem delegadas, compatíveis com sua condição acadêmica.

Oficial de Apoio Judicial

2001 - 2011

TJMG

- lavrar termos e atos processuais, subscrevendo aqueles em que não seja necessária a fé pública; - digitar e/ou datilografar matéria que lhe for submetida especialmente em audiências; - proceder à autuação de feitos e executar demais tarefas no andamento processual; - auxiliar o Juiz na manutenção da ordem no seu gabinete e nas dependências da Secretaria de Juízo; - auxiliar o Juiz nas audiências; - apregoar as partes nas audiências; - controlar o movimento de pessoas em auditórios, quando designado; - coadjuvar o Juiz na manutenção da ordem no seu gabinete e nas dependências do Fórum; - substituir o Oficial de Apoio Judicial B no seu impedimento ou afastamento, nos termos de regulamento; - atender as partes e seus procuradores, prestando informações, observados o decoro e a urbanidade; minutar mandados diversos, editais, precatórios e demais serviços das Secretarias de Juízo; - executar atividades afins identificadas pelo superior imediato.

2001 - 2011

Tribunal de Justiça de MInas Gerais

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Oficial de Apoio Judicial - Precário, Carga horária: 30, Regime: Dedicação exclusiva.